As receitas aqui postadas são todas livres de glúten.

sábado, 26 de abril de 2014

Pão 41 - MFP

        Estou adorando o resultado dos pães que tenho feito - em cada receita tem
       mudança de algum ingrediente. Isso é o que chamo de fazer experiências para 
       melhorar cada vez mais.

Difícil acreditar que os pães aqui em casa (somos 4) tem durado apenas 24h. 
Nunca fiz tanto pão! Na verdade eu apenas escolho e misturo os ingredientes, pois tenho usado a panificadora direto.

Como medida usei um copo de requeijão de 200 g.


Ingredientes:

1 copo de mix pan Schär ( pode usar outro mix ou farinha preparada sem glúten)
1 1/2 copo de farinha de arroz
3 CS (colheres de sopa) de polvilho doce
2 CS de amido de milho
1 colher de chá de CMC (espessante que ajuda na liga das massas sem glúten)
2 CS de farinha de linhaça (para deixar mais nutritivo)
1 colherinha de sal
2 ovos (gemas sem pele - não deixam sabor de ovo)
1 CS de vinagre de maçã
3 CS de azeite
1 CS cheia de açúcar demerara  (use o que quiser)
1 sachê (10g) de fermento biológico seco
1 1/2 copo de água morna (nem muito fria e nem fervendo)

Modo de preparo:


Primeiro preparei a levedura. Misturei em um recipiente o fermento, o açúcar e a água morna.
Cobri para deixar bem abafado e deixei descansando até dobrar de volume e formar uma espuma ou esponja por cima.


Enquanto o fermento levedava, misturei em uma tigela todos os ingredientes secos.
No copo que usei como medida, misturei os ovos, o vinagre e o azeite. 
No centro dos ingredientes secos, coloquei os líquidos e mais a esponja do fermento.
Misturei tudo até formar uma massa lisa.
Passei a mistura para a forma da MFP (panificadora) e liguei no ciclo 5 ultra-rápido - 1h15m
cor média. 

Assim que deu o sinal de pronto, retirei a forma da máquina, desenformei e deixei esfriando.
Dessa vez resisti e não provei quente, mas isso porque já era  tarde da noite.

Nosso café da manhã sim foi delicioso!


Espero que gostem!


OBS: Muita gente tem perguntado sobre o tempo dos pães feitos na panificadora.
Cada marca tem um tempo diferente. Eu acho que os pães que levam fermento biológico precisam de tempo para crescer, por isso não devem ser preparados com um tempo muito reduzido.. 
Eu tenho conseguido bons resultados com esse tempo ultra-rápido que é de 1h15m, mas em comparação com os tempos dos outros ciclos da minha máquina, esse é bem reduzido. 
Por isso não aconselho usarem um tempo menor que esse, conforme os ciclos da máquina de cada um use sempre um tempo maior.
                             

7 comentários:

  1. Tenho só um ovo em casa e é tarde pra ir ao mercado, mas quero fazer um pão pra amanhã! Será que da certo?! HAHAHA

    ResponderExcluir
  2. Outra coisa, quanto a essa mistura pra levedura, depois de dobrar de tamanho, eu uso na receito só a espuminha ou o liquido junto?? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila, conforme a receita, use toda a mistura da levedura.

      Excluir
  3. Quando coloca a massa já misturada na forma da panificadora deixa sem a peça de bater????obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, nenhuma peça deve ser retirada. A máquina vai fazer todo o processo com sempre: misturar (mesmo que já esteja misturado) bater, crescer e assar o pão.

      Att.
      Gilda

      Excluir
  4. Gastaria de saber se ao colocar a massa já. Misturada do pão deixo a panificadora sem a pá. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, a pá deve permanecer sempre.
      A máquina vai fazer todo o processo como sempre, mesmo já tendo sido misturado a massa antes. Isso só vai melhorar o resultado do pão.

      Att.
      Gilda

      Excluir